BASTA | Ato público virtual em defesa dos Servidores do Brasil será dia 2/3, às 13 horas

Mais de 250 entidades representativas de Servidores se reuniram no último domingo, dia 28 de fevereiro, para organizar e fortalecer o movimento “Basta!”. Na ocasião, foi decidido que no dia 2 de março será realizado um protesto virtual, pelo app Zoom, às 13 horas, contra as maldades do Governo Federal que, através das PECs (Proposta de Emenda à Constituição) 32 e 186, deseja precarizar, ainda mais, o serviço público brasileiro.

Além disso, o movimento também destaca a urgência do fim dos preços abusivos do combustível e alimentos, combate eficaz à pandemia, preservação dos Servidores, programas que gerem empregos, abertura de crédito para empreendedores, principalmente para pequenas e médias empresas.

PECs 32 e 186

A PEC 32 da Reforma Administrativa, em tese, pretende racionalizar o serviço público e reduzir gastos com pessoal, proíbe progressões automáticas de carreira, como as gratificações por tempo de serviço, abre caminho para o fim da estabilidade e aparentemente impõe mais rigidez nas avaliações de desempenho, além de propor a redução do número de carreiras. O documento tem inverdades, maquia números e cria fake news para a sociedade, acena ao mercado e penaliza a população. A proposta quer dividir a categoria com mentiras, dizendo que só os novos serão atingidos, mas na verdade, no final, quem vai pagar a conta é o trabalhador e a população!

Já a PEC 186 possibilita a redução de salários e jornada de Servidores dos três poderes em até 25%. Suspende progressões automáticas, aumentos salariais, de auxílios, vantagens, benefícios e reestruturação de carreiras. A proposta proíbe, ainda, a contratação de pessoal sob qualquer motivo e pagamento de despesa de pessoal em caráter retroativo. Fica vedada, também, a realização de concursos e a criação de cargos públicos. Se houver excesso de arrecadação ou superávit financeiro, o excedente não será utilizado em investimentos e serviços públicos, mas reservado para o pagamento das dívidas públicas. Ou seja, a PEC, além de reduzir o atendimento à população, aumenta os privilégios e garante a manutenção dos elevados pagamentos aos bancos e sistema financeiro.

Vamos nos unir, defender nossos direitos, a economia e, principalmente, a vida do povo brasileiro!
Participe do ato virtual público contra as PECs 32/20 e 186/19. Dia 2 de março, ÀS 13 HORAS!
Será pelo Zoom – CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A REUNIÃO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×